Principais disposições

Entre a assinatura dos Acordos de Kyoto em 1997 e os Acordos de Paris em 2015, duas décadas de negociações intergovernamentais e internacionais permitiram definir as diretrizes em matéria de ambiente sustentável.

A França se destaca particularmente pela lei de Transição Energética para o Crescimento Verde, aplicável desde 1º de janeiro de 2016. Ela impõe que os investidores institucionais publiquem informações sobre como levar em conta critérios relacionados aos objetivos Ambientais, Sociais e de qualidade de Governança (ASG) em sua política de investimentos e sobre os métodos implementados para contribuir para o alcance dos objetivos da transição energética e ecológica.

Também digno de nota é o compromisso europeu de fortalecer a estabilidade financeira integrando fatores ambientais, sociais e de governança na tomada de decisões de investimento.

A Responsabilidade Social das Empresas (RSE) coloca-se, assim, de fato, no centro das finanças.

Mais informações

Dezembro de 2018: Consulta da ESMA/EIOPA sobre a integração dos critérios ASG nas diretivas UCITS/AIFM e MiFID 2.

9 de Juhno de 2020: publicação pela Comissão Europeia de projectos de actos delegados de revisão da MiFID, SDI e OICVM para incorporar as preferências de sustentabilidade dos clientes e a dimensão do risco de sustentabilidade nas políticas de gestão de risco das intituções.

Desafios e oportunidades

Desafios para investidores institucionais e empresas de gestão

As oportunidades: Como o CACEIS pode ajudar você?

O CACEIS desenvolveu uma solução para fornecer dados críticos de ASG - Clima a seus clientes, para que eles possam mensurar da melhor maneira possível os riscos inerentes às suas políticas de investimento e responder às restrições regulatórias.

A oferta de apresentação de relatórios ASG - Clima do CACEIS inscreve-se na abordagem responsável e na estratégia de investimentos em favor de uma economia sustentável implementada por nossos clientes.

Da gestão de riscos climáticos...

A apresentação de relatórios ASG - Clima do CACEIS fornece aos investidores institucionais as informações necessárias para monitorar e gerenciar os riscos relacionados às mudanças climáticas (riscos físicos) ou gerados pela transição às baixas emissões de carbono (riscos de transição).

... às oportunidades relacionadas ao financiamento da transição energética

A apresentação de relatórios ASG - Clima do CACEIS permite que nossos clientes investidores institucionais e empresas de gestão avaliem a qualidade e o desempenho ASG - Clima de suas carteiras, comunicando-se de maneira transparente sobre o impacto social e ambiental das decisões de investimento.

A apresentação de relatórios ASG - Clima apresenta uma visão global e sintética dos desempenhos ASG e Climáticos das carteiras. Em conformidade com os requisitos regulamentares, a solução do CACEIS permite medir melhor os riscos associados às mudanças climáticas e aproveitar as oportunidades comerciais ligadas às crescentes expectativas dos investidores em matéria de financiamento sustentável.


Datas chaves